ANO MARCADO POR DEMISSÕES NO SETOR BANCÁRIO

Os bancos demitem milhares de bancários e deixam as agências praticamente vazias. Até outubro, o setor fechou 1.441 postos de trabalho na comparação anual, de acordo com dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Todos sentem os reflexos, desde os poucos funcionários que ficam e têm de trabalhar sobrecarregados e doentes, aos clientes, que precisam de paciência para ficar horas na espera por atendimento. Na pandemia, o cenário piorou. Ao invés de ampliar o quadro de pessoal para resolver os problemas, os bancos investem pesado em tecnologia e empurram os usuários para os canais digitais.

Deixe uma resposta