BB TERÁ 3º PRESIDENTE EM DOIS ANOS SOB BOLSONARO

Ex-líder do governo na Câmara, deputada Joice Hasselmann do PSL citou queda das ações e apontou que essa é a 16ª baixa na equipe de Guedes

A ex-líder do governo na Câmara, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), comentou a renúncia do presidente do Banco do Brasil, André Brandão , em postagem no Twitter.

Joice criticou a “interferência” do presidente Jair Bolsonaro no banco público após anúncio de reestruturação e fechamento de agências deficitárias, acompanhado por Programas de Demissão Voluntária . Brandão buscava enxugar o BB, o que desagradou Bolsonaro.

Vamos p/o 3o nome na gestão @jairbolsonaro em 2 anos!

Bolsonaro interferiu no BB impedindo sua reestruturação e fechamento das agências deficitárias. As ações seguem derretendo.

É a 16a baixa na equipe de Paulo Guedes”, publicou a ex-aliada do presidente da República.

A deputada lembrou que o BB terá seu terceiro presidente em dois anos de governo Bolsonaro. Antes de André Brandão ,  Rubem Novaes também já havia pedido para deixar o cargo, em julho de 2020. Joice pontuou ainda que a saída anunciada nesta quinta será a 16ª baixa da equipe econômica de Paulo Guedes. (Fonte: Brasil Econômico)

Deixe uma resposta