BRADESCO EM SP CUMPRE PROTOCOLO E FECHA AGÊNCIA COM CASO DE COVID-19

Após um bancário de uma agência localizada na Avenida Paulista (Agência Estação Brigadeiro Luiz Antônio) contrair covid-19, o Bradesco interditou o local para sanitização contra o novo coronavírus. Todos os trabalhadores foram afastados e estão em home office.

“Isso mostra que o banco está cumprindo com os protocolos concebidos na negociação entre o movimento sindical e a Fenaban a fim de preservar a saúde dos trabalhadores e conter a disseminação do vírus entre a população”, enfatiza Luzenilton Souza, dirigente sindical e bancário do Bradesco,

Após negociação com os representantes dos trabalhadores, os bancos se comprometeram a fechar unidades com incidência de covid-19 e afastar os trabalhadores por 14 dias.

“É possível que alguns casos de covid-19 acabem sendo negligenciados pelos gestores ou ignorados pelos bancos. Por isso, é importante que os trabalhadores alertem os Sindicatos se isto ocorrer para que nós possamos cobrar da direção da empresa o cumprimento dos protocolos”, orienta Souza.

Após cobrança do Sindicato, o Bradesco também foi o primeiro banco a informar que irá testar todos os seus trabalhadores para a doença.

“Esperamos que os demais bancos sigam o exemplo do Bradesco e façam a testagem de todos os seus funcionários a fim de conter a propagação do vírus com mais eficácia. Seria mais uma medida que se somaria aos protocolos para casos de incidência de covid-19 e ao direcionamento de cerca de 300 mil trabalhadores para o regime de home office”, pondera Neiva Ribeiro, secretária-geral do Sindicato dos bancários de são Paulo, Osasco e região. (Fonte: Seeb SP)

Deixe uma resposta