MOVIMENTO SINDICAL OBTÉM NOVA PROPOSTA DO BANCO DO BRASIL

Após sucessivas e longas rodadas de negociações do movimento sindical bancário com a direção do Banco do Brasil, neste fim de semana o Banco apresentou nova proposta, que garante a manutenção de todas as cláusulas do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) atual, e prevê algumas situações diferenciadas, conforme segue:

– PLR
Proposta inicial: Redução da distribuição do lucro líquido (parcela linear) para 2%
Após negociação: Mantida PLR como está no acordo atual (4% lucro líquido mais 45% salário, mais módulo variável determinado pelo Banco do Brasil por semestre)

– GDPProposta inicial: 1 ciclo avaliatório para descomissionamento
Após negociação: Mantidas as três avaliações negativas para descomissionamento por desempenho (3 GDPs).

– Intervalo intrajornada
Proposta inicial: 15 a 30 minutos com registro para todos os funcionários de seis horas.
Após negociação: pessoal com jornada de 6 horas poderá fazer intervalo de 15 minutos (dentro da jornada, no ponto eletrônico) a uma hora de intervalo (com registro no ponto eletrônico). Funcionário deve assinar termo para autorizar a extensão da hora de almoço, (como já ocorre com os funcionários com oito horas de jornada).

– Faltas abonadas
Proposta inicial: 2020 e 2021 – cinco faltas não conversíveis e não acumuláveis

Após negociação: Regra de transição, com conversão em pecúnia do saldo de abonos adquiridos até 01/09/2020. Os adquiridos a partir de 1/09/2021 terão que ser usufruídos até 08/2022, inclusive nas férias, mas sem conversão em pecúnia ou acumulação. Os abonos já adquiridos e acumulados permanecem com as regras anteriores.
– Folga justiça eleitoral
Mantido período de 180 dias para gozar a folga

– Prazo para realização de perícia psicológicaProposta inicial: 12 meses

Após negociação: Manutenção de 18 meses

– Horário de repouso
Proposta inicial: Apenas para atividades repetitivas

Após negociação: Manutenção de atendentes de Sala de Auto Atendimento

Outros pontos negociados
– Mantida PLR como está no acordo atual (4% lucro líquido mais 45% salário, mais módulo variável determinado pelo Banco do Brasil por semestre)

– Mesa sobre bancos incorporados a ser conduzida a iniciada a partir de outubro, com apresentação de pautas em setembro/2020.

– Mesa permanente sobre Teletrabalho e Escritórios Digitais

– Mesa permanente sobre Saúde e Segurança.

Deixe uma resposta